6 dicas para se sair bem nas entrevistas por telefone

Entrevistas por telefone são um passo muito importante na maioria dos processos de recrutamento.  Alguns candidatos pensam são iguais às entrevistas presenciais, mas têm algumas diferenças e é necessário que compreenda para que servem as entrevistas por telefone. Normalmente costumam ser feitas em duas situações:

 

Triagem de candidatos: quando existem vários candidatos compatíveis para a mesma vaga, é comum que os entrevistadores façam uma triagem pelo telefone, seleccionando os melhores para uma entrevista mais aprofundada, que poderá ser pessoal ou novamente por telefone/skype. A entrevista de triagem costuma ser mais breve e a ligação normalmente acontece de surpresa.

 

– Confirmação e recolha de informações: é uma entrevista um pouco mais longa e nela o entrevistador pode fazer algumas perguntas para confirmar os dados que você tem no currículo e saber mais sobre suas actividades e aptidões. Pode ser feita de surpresa, ou agendada por e-mail.

 

Em ambos os casos, é fundamental causar a impressão correcta e tentar passar para a fase seguinte do processo. Veja as 6 dicas que temos para melhorar as suas entrevistas por telefone.

 

1- Esteja preparado

Para que tudo ocorra bem é preciso fazer os trabalhos de casa e preparar-se para evitar surpresas desagradáveis. Pode começar a preparar-se para a entrevista logo após o momento em que se candidatou à vaga. Imprima o currículo que enviou e marque os itens mais importantes para aquela vaga específica. Se você enviou uma carta de apresentação, imprima-a também. É provável que o entrevistador esteja olhar para esses dois documentos enquanto conversa consigo. Deve também pesquisar sobre a empresa, seu ramo de actuação, principais produtos e serviços, realizações recentes, localização e estrutura. Não esqueça de reflectir os motivos o que o levaram a candidatar-se à vaga em questão. À medida que faz entrevistas por telefone irá ficando cada vez mais preparado e começa a perceber que há um grupo de perguntas que é sempre feito por qualquer entrevistador.

 

2- Se não puder falar, agende um horário

Você pode não saber o momento que vai receber a ligação daquela empresa, o que pode prejudicar o seu desempenho. Pode estar talvez a trabalhar, a fazer uma outra actividade, ou num local barulhento. Nesses casos deve explicar brevemente a situação e marcar um outro horário com o entrevistador. Agradeça o interesse, explique que não pode falar no momento e pergunte se é possível reagendar a conversa para um outro momento.
Aproveite e pergunte ao entrevistador de quanto tempo ele precisará para esta conversa. Seja claro, directo. Tente sempre marcar um novo horário para a entrevista, porque caso não fique um horário definido, os recrutadores passam aos candidatos seguintes e normalmente já não voltam a ligar.

 

3- Prepare o ambiente para a entrevista

Trinta minutos antes do horário marcado para a entrevista deve preparar o ambiente onde irá fazer a chamada. Se estiver em casa escolha um lugar silencioso, sem distracções e onde consiga ter uma boa conexão de rede. Caso esteja no trabalho, a melhor opção é ir para uma sala de reunião. Não se esqueça de levar o seu currículo e informação sobre a empresa. Respire fundo, releia seu material e procure manter o foco.

 

4- Cuide da postura e do tom de voz

Apesar de que o entrevistador não pode vê-lo, mantenha uma boa postura, visto que a sua voz vai reflectir a forma como está posicionado. É importante que esteja sentado confortavelmente e que mantenha a coluna erecta. Procure sorrir durante a entrevista de emprego, ao sorrir está a fazer com que a sua voz e discurso tenha um tom positivo e confiante.

 

5- Ouça com atenção, responda com calma e objectividade

Mantenha calma, espere que o entrevistador finalize a sua pergunta ou comentário, respire e só então responda. Procure ser objectivo e passar as informações que foram solicitadas de forma clara e concisa. Durante a entrevista demonstre segurança no que está a dizer, não perca tempo com divagações ou a contornar assuntos. Responda às questões de forma clara e directa. Hesitar ou demorar nas respostas é sinal de dúvida.  

 

6- Na dúvida, pergunte

É um erro responder a perguntas que não percebeu o que não ouviu bem. É melhor esclarecer a dúvida do que dar uma resposta inadequada ou fora de contexto. Se não entender alguma pergunta usada pelo entrevistador, peça para repetir. Caso não conheça alguma expressão ou termo técnico, não tenha vergonha de perguntar. Se não conseguir ouvir uma questão, explique ao entrevistador que o sinal de rede do seu telefone está fraco e solicite que repita a pergunta.

 

Esperamos que estas dicas o ajudem a ter sucesso nas entrevistas de por telefone.

 

Já foi entrevistado pelo telefone? Como se saiu? Quais foram suas principais dificuldades? Partilhe nos comentários!