5 razões pelas quais é possível fracassar numa Entrevista de Emprego

Como na publicação anterior falamos sobre os erros no Curriculum vitae, nesta nos centramos na entrevista de emprego. Quais são os principais erros que cometemos e fazem que não sejamos seleccionados para um posto de trabalho em Angola?

Existem muitos factores que determinam o sucesso de uma entrevista de emprego, por isso, não desanimes na tua busca e revisa os aspectos que vamos comentar.

entrevista emprego angola

entrevista emprego angola

Não vender á si mesmo da forma adequada

Normalmente a vontade de conseguir o emprego faz-nos chegar à entrevistas de emprego com uma atitude permissiva sem pensar em vender á si mesmo. Antes de sentar-mo-nos diante  do empregador devemos ter uma série de aspectos bem claros. Quem sou? que posso oferecer? Quais são os meus objectivos? Uma entrevista de emprego é o momento ideal para analisar os nossos pontos fortes e debilidades, fazendo ver ao empregador os primeiros e tranquilizando-o sobre as segundas. Prepara a entrevista antes de ir a ela.

Pedir demasiado… ou muito pouco

É bom valorizar-mo-nos, mas também é verdade que o valor dos candidatos difere muito entre a realidade e o que põe em seu curriculo. Então o melhor é informar-se antes da entrevista sobre o que oferece o mercado e a empresa que disponibiliza o emprego. Pode ter muita diferença entre o que oferecem duas empresas para o mesmo emprego, depende do que cada uma esteja disposta. Tratando-se do sector em que te costumas movimentar bastaria perguntar a colegas e ex parceiros de trabalho, e se possível for, também perguntar a amigos de amigos. Se o entrevistador perguntar quanto gostarias de receber e não tiveres este dado, pergunta-o quanto estaria disposto a te dar, e parti daí a negociação.

Por outro lado, se pedes demasiado pouco transmites falta de confiança e profissionalismo. Transmites que queres entrar nessa empresa a todo custo sem te importar com o que podes contribuir. O empregador vai querer seleccionar uma pessoa que possa contribuir com algum valor à organização.

A empresa têm apostado por um candidato interno

Diante disto não resta muitas opções. Chamaram para entrevistar-te e provavelmente a várias pessoas mais, mas acontece que também podem entrevistar a candidatos da própria empresa. É evidente que alguém que trabalha na própria empresa conta com a vantagem de já conhecer à perfeição a organização. É boa ideia tratar de saber se o candidato que têm seleccionado finalmente trabalhava já na própria empresa, já que pode ser que tenhas feito uma entrevista de emprego perfeita e não tenha erro algum.

Não fazer um rastreamento

Conhecemos a importância de mostrar interesse não só durante a entrevista, mas também depois, com ferramentas como a carta de agradecimento. Um breve email ou inclusive uma mensagem pode ser suficiente para mostrar interesse pelo processo de recrutamento e não cair da lista. Também se pode utilizar as redes sociais para manter o contacto com o empregador e fazer com que não se esqueça de ti. Sobretudo se o processo de selecção é longo.

Não consertar pequenos detalhes

Neste ponto referimos-nos à comunicação não verbal, tics que se repetem quando se está nervoso, ir vestido de forma adequada… São detalhes que contam bem mais do que podemos imaginar.

Que erros tens cometido tu? Ocorre-te algum outro aspecto que possa ser interessante?

Comenta e partilha!


Receba as últimas publicações e novidades da Jobartis

Nome
Email
Telefone